Arquivos:

Rio Grande do Norte

RN confirma 189 novas infecções e se aproxima de 60 mil casos de Covid-19

O Rio Grande do Norte registrou 189 novas infecções e está cada vez mais próximo de bater a marca dos 60 mil casos do novo coronavírus. No total, são 59.582 confirmados.

De acordo com os dados parciais divulgados pela Secretaria Estadual de Saúde Pública do RN (Sesap), já são 2.170 óbitos por Covid-19. Do total de mortes, 5 foram confirmadas nas últimas 24h.

A Sesap não divulgou, neste domingo 23, o número atualizado de pacientes recuperados, nem o atual índice de ocupação de leitos no Estado. Até este sábado 22, eram 37.034 pacientes recuperados e 288 internados, sendo 98 em leitos de tratamento intensivo.

Em todo o País, de acordo com relatório deste domingo 23 do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), foram confirmados nas últimas 24 horas 23.421 novos casos do novo coronavírus e 494 óbitos. Com isso, o Brasil agora tem 3.605.783 casos confirmados de Covid-19 e 114.744 mortes.

Na sexta-feira 21, durante uma entrevista coletiva, o diretor de emergências da Organização Mundial da Saúde (OMS), Michael Ryan, afirmou que a tendência da curva epidemiológica do Brasil é de “estabilização e queda”. Ele lembrou, no entanto, que o País vive um momento difícil e que é preciso agir com força para suprimir a transmissão.

Agora RN
Rio Grande do Norte

Fátima sanciona lei que prioriza testes da Covid para 30 categorias profissionais

A governadora Fátima Bezerra (PT) sancionou a lei que prioriza testes da Covid-19 e medidas que preservem a saúde para 30 categorias profissionais. A medida foi publicada na edição desta quinta-feira (20) do Diário Oficial da União. Os profissionais beneficiados fazem parte do grupo considerado essencial ao controle de doenças e à manutenção da ordem pública, durante a pandemia do novo coronavírus.

O projeto é do deputado estadual Francisco do PT e foi aprovado em julho pela Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN). Segundo o parlamentar, o zelo com profissionais da Saúde é necessário para que preserve a vida do trabalhador, da sua família e do paciente, que pode ter contato com o infectado durante algum tratamento ou consulta.

“A realização de testes regulares é fundamental, pois quando positivos ensejam o afastamento imediato do trabalho e o tratamento desses profissionais. Tal medida é essencial tanto para a busca da cura do profissional contaminado quanto para evitar o contágio de pacientes que sejam atendidos por esse, assim como para proteger a vida dos familiares e de pessoas com que tenham contato frequente. Por outro lado, o teste de resultado negativo contribui para a decisão de retorno ao trabalho dos profissionais nesse período de alta demanda”, explicou.

De acordo com dados divulgados em julho pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), mais de 3 mil profissionais da área já tiveram a Covid. Ainda segundo a Sesap, mais de 20 morreram decorrentes da doença. No ramo da segurança pública, quatro policiais foram vítimas do vírus.

Conforme consta na lei, o poder público e os empregadores ou contratantes deverão fornecer gratuitamente os equipamentos de proteção individual (EPI), recomendados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária, aos trabalhadores.

Os profissionais que tiverem em contato direto com portadores ou possíveis portadores da Covid-19, terão prioridade na realização dos testes e deverão ser tratados e orientados sobre sua condição de saúde e sobre sua aptidão para retornar ao trabalho.

Confira a lista das categorias com prioridades nos testes:

  • Médicos;
  • Enfermeiros;
  • Fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, fonoaudiólogos e profissionais envolvidos nos processos de habilitação e reabilitação;
  • Psicólogos;
  • Assistentes sociais;
  • Policiais federais, civis, militares, penais, rodoviários, ferroviários e membros das Forças Armadas;
  • Agentes socioeducativos, agentes de segurança de trânsito e agentes de segurança privada;
  • Brigadistas e bombeiros civis e militares;
  • Vigilantes que trabalham em unidades públicas e privadas de saúde;
  • Assistentes administrativos que atuam no cadastro de pacientes em unidades de saúde;
  • Agentes de fiscalização;
  • Agentes comunitários de saúde;
  • Agentes de combate às endemias;
  • Técnicos e auxiliares de enfermagem;
  • Técnicos, tecnólogos e auxiliares em radiologia e operadores de aparelhos de tomografia computadorizada e de ressonância nuclear magnética;
  • Maqueiros, maqueiros de ambulância e padioleiros;
  • Cuidadores e atendentes de pessoas com deficiência, de pessoas idosas ou de pessoas com doenças raras;
  • Biólogos, biomédicos e técnicos em análises clínicas;
  • Médicos-veterinários;
  • Coveiros, atendentes funerários, motoristas funerários, auxiliares funerários e demais trabalhadores de serviços funerários e de autópsias;
  • Profissionais de limpeza;
  • Profissionais que trabalham na cadeia de produção de alimentos e bebidas, incluindo os insumos;
  • Farmacêuticos, bioquímicos e técnicos em farmácia;
  • Cirurgiões-dentistas, técnicos e auxiliares em saúde bucal;
  • Aeronautas, aeroviários e controladores de voos;
  • Motoristas de ambulância;
  • Guardas municipais;
  • Profissionais dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e dos Centros de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS);
  • Servidores públicos que trabalham na área da saúde, inclusive em funções administrativas;
  • Outros profissionais que trabalhem ou sejam convocados a trabalhar nas unidades de saúde durante o período de isolamento social ou que tenham contato com pessoas ou com materiais que ofereçam risco de contaminação pelo novo coronavírus.
Agora RN
Rio Grande do Norte

Greve deve fechar 70% das agências dos Correios no RN, avalia sindicato

Nesta terça-feira (18), servidores fizeram protestos em frente às agências dos Correios no RN – Foto: Sintect RN / Reprodução

A greve dos servidores dos Correios iniciada nesta terça-feira (18) em todo o Brasil, pode implicar na paralisação do funcionamento de mais de 70% das agências no Rio Grande do Norte. A paralisação é por tempo indeterminado.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Servidores dos Correios do RN (Sintect), Edilson Shampoo, pelo menos 60% das 196 agências do Estado já aderiram à paralisação. O sindicalista conta que a categoria pede a manutenção de “direitos conquistados” e não cobra nenhum aumento.

“Não queremos mais. O que pedimos é que seja mantido o que batalhamos por anos para conquistar e está sendo tirado pelo Governo Federal. São cerca de 70 direitos assegurados que estão sendo retirados”, contou.

A categoria reclama que o Governo Federal revogou um acordo coletivo de trabalho que tem validade até 2021. Segundo a federação nacional dos servidores, a Fentect, “foram retiradas 70 cláusulas com direitos como 30% do adicional de risco, vale alimentação, licença maternidade de 180 dias, auxílio creche, indenização de morte, auxílio creche, indenização de morte, auxílio para filhos com necessidades especiais, pagamento de adicional noturno e horas extras”.

No mês passado, representantes dos Correios procuraram um acordo para evitar a paralisação, porém, não obtiveram respostas. Foi proposta uma readequação para as medidas.

O presidente do Sintect RN admite que a paralisação terá um impacto sobre o prazo de entregas de encomendas, por conta do fechamento das agências.

“Vai ser um impacto grande e negativo. Teremos muitas agências fechadas. A expectativa é que mais de 70% destas parem de funcionar”, explicou.

A greve acontece no momento em que aumentou a procura pelo serviço dos Correios, o que levou a uma demora maior para a entrega de encomendas. A superintência da estatal no Rio Grande do Norte informou no mês passado que, durante a pandemia do novo coronavírus, houve um crescimento de 20% nas encomendas em comparação ao primeiro semestre
do ano passado.

Em declaração enviada à reportagem do Agora RN, a superintendência informou que, “para lidar com a demanda, foi contratada mão de obra temporária e ampliaram-se os prazos de entrega para previstos para
o Sedex e Pac em três dias, que podem sofrer ajustes conforme o impacto da
pandemia em determinadas regiões”.

Os Correios têm quase 100mil funcionários em 6 mil agências em todo o País, com um faturamento de R$ 18 bilhões. O presidente Jair Bolsonaro defende a privatização do serviço.

Agora RN
Rio Grande do Norte

RN firma convênio de R$ 600 mil para criar sistema para a agricultura familiar

Siraf/NE é um portal que sistematizará a oferta dos produtos da agricultura familiar. (Foto:Valter Campanato/Agência Brasil)

O Governo do RN firma nesta quarta- feira,19, convênio com o Fundo Nacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), via Universidade Federal de Viçosa, para a elaboração do Sistema de Informação Regional da Agricultura Familiar (Siraf/NE).

O convênio, no valor de R$ 609 mil, prevê o desenvolvimento do sistema por parte da instituição estadual de ensino. O evento, que contará com a participação de governadores dos estados do Nordeste, terá transmissão ao vivo pelo canal do Fórum dos Gestores e Gestoras da Agricultura Familiar do Nordeste, no Youtube, às 16h.

O Siraf/NE é um portal regional que sistematizará a oferta dos produtos da agricultura familiar existentes na Região Nordeste. Além de facilitar o acesso e qualificar as informações de mercado, agilizando os processos de compras governamentais e abrindo novos canais de comercialização com o setor privado, contribuirá com o fortalecimento das cooperativas e associações da agricultura familiar, que serão responsáveis pela alimentação de sua base de dados, dando visibilidade à diversidade dos seus produtos e ao volume de sua produção.

De acordo com o secretário de Agricultura Familiar, Alexandre Lima, o valor do convênio será investido em equipamentos de Tecnologia da Informação (TI) e em bolsas para os alunos, professores e profissionais de TI da instituição.

Na ocasião, será lançado o Programa de Alimentos Saudáveis do Nordeste (PAS/NE), uma estratégia do Fórum com o Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste, com a finalidade de fortalecer e expandir a agricultura familiar, construída em diálogo com os movimentos sociais e a sociedade civil organizada. Sua implantação está se dando de forma progressiva, a partir das diferentes possibilidades dos governos estaduais.

Agora RN
Rio Grande do Norte

PF cumpre 189 mandados contra o tráfico internacional de drogas no RN e mais 11 estados

CNN / Polícia Federal faz operação contra tráfico internacional em Pernambuco nesta terça-feira (18)

A Polícia Federal cumpre nesta terça-feira (18) 50 mandados de prisão temporária e 139 de busca e apreensão em 12 estados e no Distrito Federal. A operação foi deflagrada nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, São Paulo e no Distrito Federal.

A ação desta manhã, que conta com cerca de 620 agentes, investiga um esquema de tráfico de drogas internacional.

Os investigadores acreditam que a droga saía do Paraguai, entrava no Brasil e, através de portos brasileiros, era enviada a outros países. Os entorpecentes eram transportados pelo território brasileiro em helicópteros.

Em São Paulo, são cumpridos 60 mandados de busca e apreensão e 22 de prisão. A investigação é realizada pela PF de Pernambuco, mas é no território paulista que se encontra a maioria dos alvos. Equipes do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Paraná dão apoio à ação.

Segundo informações da PF de Pernambuco, entre os bens que devem ser apreendidos está uma Ferrari e um jatinho.

Esquema está sendo investigado desde 2018.

No fim de semana, no Porto de Natal, foram apreendidos mais de 700 kg de cocaína. Ela estava em um contêiner de carga para mangas que iria para a Europa, mas teve a viagem interrompida.

CNN
Rio Grande do Norte

Governo do RN consegue captar mais de 3 bilhões em projetos de geração de energia eólica

Espera-se que sejam abertas cerca de 1.500 vagas de emprego após o terceiro trimestre de 2020, podendo esse número chegar a 3 mil no primeiro semestre de 2021, a depender do cronograma de início das obras de cada empresa

Segundo o balanço do setor eólico publicado nesta quinta-feira (8), o RN teve um aumento de 30% em novos projetos de geração de energia por fonte eólica no primeiro semestre de 2020. De acordo com a SEDEC, foram 3.631 bilhões em novos investimentos no setor.

Outro fato interessante é a instalação de novos complexos eólicos em municípios como Riachuelo e Santana do Matos, possibilitando a geração de novos empregos nas regiões do interior do Estado. Espera-se que sejam abertas cerca de 1.500 vagas de emprego após o terceiro trimestre de 2020, podendo esse número chegar a 3 mil no primeiro semestre de 2021, a depender do cronograma de início das obras de cada empresa.

As empresas terão prazo para entrega da energia até 2024, possibilitando um fluxo de continuo de obras e movimentação da economia nos próximos 3 anos. O professor Hugo Fonseca, Coordenador de Desenvolvimento Energético da SEDEC, informa que este aumento 30% na contratação de novos projetos deve-se a uma ação forte e articulada entre a SEDEC, empresas de geração, IDEMA, Secretaria de Tributação (SET), prefeituras e entidades do setor como o CERNE e ABEEOLICA.

Blog do Ismael Medeiros
Rio Grande do Norte

Salários atrasados só a partir de 2021, afirma governo do RN

Carlos Eduardo Xavier falou sobre a situação econômica do RN nesta quinta-feira (14), em entrevista à 98 FM

Os salários que estão atrasados não devem ser pagos aos servidores públicos ainda este ano. A informação foi confirmada nesta quinta-feira (14) pelo secretário de Tributação do Estado, Carlos Eduardo Xavier, em entrevista à 98 FM.

Impacto negativo

Segundo o secretário, a pandemia da Covid-19 gerou impacto negativo na arrecadação durante o primeiro semestre. Mesmo com a previsão de melhora já no segundo semestre, Carlos Eduardo Xavier estima que o equilíbrio nas receitas ocorra somente a partir setembro, caso a economia continue em um ciclo constante de crescimento.

O auxílio do governo federal, de cerca de R$ 448 milhões, não são suficientes para suprir a perda de receita causada pela baixa arrecadação.

Na entrevista à 98 FM, o secretário ressaltou que o pagamento da folha atrasada é um compromisso da governadora Fátima Bezerra (PT), que pretende encerrar os 4 anos de mandato com as quatro folhas em atraso quitadas.

Agora RN
Rio Grande do Norte

Farra em motel no interior do RN acaba com dois adultos e vários adolescentes na delegacia

Farra aconteceu em motel na cidade de Umarizal

A Polícia Militar acabou com uma farra que estava acontecendo em um motel no município de Umarizal, na região Oeste potiguar, na noite deste domingo (9). Dois adultos e pelo menos sete adolescentes (entre 13 e 17 anos) foram levados para a delegacia da cidade.

Segundo a Polícia Civil, os dois adultos foram autuados em flagrante pelo artigo 243 do Estatuto da Criança e do Adolescente, por entregarem bebidas alcoólicas a menores de idade. Ambos pagaram fiança de R$ 500 e foram liberados.

Agora RN
Rio Grande do Norte

Mais de 30 pessoas esperam por um leito de UTI não-Covid no RN

Segundo a Sesap, cerca de 36 pessoas aguardam por uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) não-Covid no RN.

Cerca de 36 pessoas aguardam por uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) não-Covid no Estado, de acordo com nota divulgada pela Secretaria de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap), no começo da tarde desta quarta-feira (5).

Procurada pelo Agora RN, a pasta informou que vem desenvolvendo ações para a ampliação do acesso às instalações, como a disponibilização de 394 UTIs – adultos e infantil – para os pacientes deste perfil no Sistema Único de Saúde (SUS).

A Sesap destacou, ainda, que segue debatendo junto às gestões municipais e atuando na perspectiva de otimizar a gestão de leitos e da clínica. Questionada sobre a possibilidade de remanejar algum dos leitos Covid-19 para atender à demanda geral, a Secretaria explica que tal ação é inviável em virtude do atual cenário pandêmico.

“Destaca-se que as taxas de ocupação para leitos de UTI Covid têm se mantido abaixo de 70%, mas, ainda assim, como a situação epidemiológica pode ser oscilante é preciso atenção para caso haja a necessidade de uso dos leitos vagos’, diz a nota encaminhada.

Agora RN
Rio Grande do Norte

RN registra 53% de ocupação dos leitos críticos de Covid-19; lista de regulação está zerada

Ilustrativa

O Rio Grande do Norte registrou, na manhã desta quinta-feira (6), o índice de 53% de ocupação dos seus leitos críticos destinados para pacientes com a Covid-19. A informação está disponível na plataforma Regula RN, coordenada pela Universidade Federal do RN (UFRN), em parceria com o Governo do Estado.

Este percentual representa 167 leitos ocupados, de 307 existentes. Com outros 13 bloqueados, o estado possui 131 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) disponíveis para pessoas com coronavírus.

De acordo com a plataforma, até às 8h30, a lista de regulação encontrava-se zerada. Seis pacientes com perfil crítico aguardavam transporte e dois esperavam avaliação.

Agora RN

Empresas filiadas

Banners Parceiros

Design: John Carlos
Programação: Caio Vidal
Suporte: Agi Comunicação
Botch das divs centrais
X
Experimente o nosso aplicativo para Android. Clique para baixar e aproveite!